Saturday, February 24, 2024
HomeDallas MavericksWaamonews » Dallas Mavericks aproveita estreia de reforços da trade deadline e...

Waamonews » Dallas Mavericks aproveita estreia de reforços da trade deadline e atropela Oklahoma City Thunder » Waamonews


O Dallas Mavericks derrotou o Oklahoma City Thunder neste sábado (10) pelo placar de 146 a 111 no American Airlines Center, em Dallas. A equipe texana aproveitou a estreia dos reforços adquiridos na trade deadline, e liderou o confronto de ponta a ponta para empatar a sua maior série invicta na temporada, com quatro vitórias consecutivas.

O destaque da partida foi Luka Doncic, que foi responsável por 32 pontos, oito rebotes e nove assistências em 31 minutos e 18 segundos que esteve presente em quadra. Kyrie Irving contribuiu com 25 pontos, seis rebotes e oito assistências, e viu o recém-chegado Daniel Gafford encerrar a noite com 19 pontos e nove rebotes. Pelo Thunder, Shai Gilgeous-Alexander chamou a atenção com 25 pontos, seis rebotes e cinco assistências, e recebeu a ajuda de Chet Holmgren (13 pontos e 12 rebotes) e de Cason Wallace (15 pontos).

Os jogadores de Jason Kidd foram melhores no aproveitamento de arremessos (58,2% contra 38,8%), no aproveitamento de arremessos de três pontos (39,5% contra 36,2%), nas assistências (30 contra 23), nos rebotes defensivos (43 contra 28) e nos roubos de bola (oito contra cinco). Os comandados por Mark Daigneault saíram na frente no aproveitamento de lances livres (85,7% contra 75,8%), nos rebotes ofensivos (12 contra 11), nos tocos (quatro contra três) e nos turnovers (10 contra 12). As duas equipes acabaram empatadas nos pontos anotados em turnovers, com 13 para cada lado.

O JOGO

O primeiro quarto mostrou que os Mavs estavam bem dos dois lados da quadra, sendo eficientes no ataque e tendo uma boa defesa que dificultava os ataques adversários. Com menos de três minutos jogados, a equipe da casa já abria 10 pontos de vantagem com Doncic dando passe para a bola tripla de Derrick Jones Jr., e continuaram nesse caminho durante todo o período. Restando pouco mais de três minutos no relógio, a vantagem chegou aos 20 pontos depois do camisa 77 dar assistência para a bandeja de Tim Hardaway Jr., dificultando uma possível virada adversária nos primeiros 12 minutos de jogo. O Thunder conseguiu abaixar a diferença nos minutos finais, e conseguiram contar com Holmgren nos segundos finais que, com um arremesso triplo e um toco em cima de Gafford no último lance, foram para o quarto seguinte perdendo por 47 a 30.

No segundo quarto, o Thunder começou a se organizar melhor em quadra, e foi abaixando a diferença conforme o tempo ia passando. Mesmo ficando perto de voltar a ter uma desvantagem de 20 pontos, a equipe de Oklahoma chegou a abaixar a diferença para quatro pontos com pouco mais de cinco minutos e meio a serem jogados, contando com um passe de Jalen Williams para o arremesso de três pontos de Aaron Wiggins. Mas os Mavs conseguiram aumentar a diferença no marcador no tempo restante no relógio, e voltaram a ficar com dígitos duplos de diferença em mais duas oportunidades na metade final do período. Holmgren converteu dois lances livres depois de sofrer a falta de Irving, e viu P.J. Washington errar o lance final da linha de três pontos para irem aos vestiários com a derrota parcial por 71 a 62 depois de vencer o quarto por 32 a 24.

Na volta para a quadra, os Mavs voltaram a ficar com um ritmo forte no ataque e uma defesa sólida, voltando a ficar com desempenho parecido ao que foi colocado no primeiro quarto da partida. A vantagem mandante ficou abaixo dos dígitos duplos por um total de 37 segundos, conseguindo ampliar a sua vantagem e impedindo uma possível virada. Com três minutos e meio a serem jogados, Washington recebeu o passe de Hardaway Jr. para converter um arremesso triplo e alcançar a pontuação centenária. Restando 11 segundos no relógio, Gafford conseguiu pegar o rebote do erro de Irving no perímetro, e colocou a bola na cesta e converteu o lance livre de bonificação após sofrer falta de Lindy Waters III para chegar aos 21 pontos de vantagem. Gilgeous-Alexander tentou o arremesso final nos segundos finais, mas não acertou a tentativa, encerrando o terceiro período perdendo por 110 a 89.

No quarto final, os dois técnicos perceberam que a partida já estava praticamente definida, e deixaram em quadra boa parte dos reservas na última parcial do confronto. As duas equipes ainda tinham o objetivo da vitória, mas essa tarefa estava mais fácil para os Mavs que não se acomodavam com a vantagem no placar e iam aumentando cada vez mais. O Thunder, restando quatro minutos e meio no relógio, alcançou os 100 pontos na partida depois de Waters III dar assistência para a bola tripla de Cason Wallace, mas a desvantagem neste momento era de 33 pontos, o que já deixava impossível a virada. No minuto final, Olivier-Maxence Prosper fez uma enterrada depois de receber o passe de Brandon Williams, e deixou a vantagem da equipe da casa em 41 pontos, sendo essa a maior liderança na partida. Os visitantes conseguiram diminuir um pouco a desvantagem nos segundos finais, mas a vitória mandante por 36 a 22 no quarto fechou os 48 minutos do confronto com o triunfo da equipe de Dallas por 146 a 111.

APROVEITAMENTO E PRÓXIMOS JOGOS

Com a vitória, o Dallas Mavericks conquista o seu 30º triunfo na temporada 2023-24 da NBA, sendo o quarto consecutivo, e continua ocupando a oitava posição da Conferência Oeste com 56,6% de aproveitamento (30-23). O Oklahoma City Thunder sofre a sua 17ª derrota no campeonato, e cai para a quarta colocação do Oeste com 67,3% de aproveitamento (35-17).

O próximo compromisso dos Mavs está marcado para esta segunda-feira (12), quando receberá o Washington Wizards (9-43) às 22h30 no American Airlines Center, em Dallas. Um dia antes, neste domingo (11), o Thunder entra em quadra para enfrentar o Sacramento Kings (30-21) às 17h no Paycom Center, em Oklahoma City.

Foto: Reprodução Twitter/NBA




RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments